quarta-feira, setembro 10, 2008

A província profunda!

"Champalimaud traz a luz" por NeuroGlider

Portugal e as organizações do país, com os seus "notáveis" á cabeça, comportam-se em geral como se fossem os reis de pequenos reinos isolados em que eles são senhores. Sendo devido a isto a total falta de descoordenação que os portugueses experimentam sempre que esperam que o estado ou os elementos do estado sejam úteis (veja-se o estado geral do país!).
Dentro deste espírito provinciano que caracteriza a maior parte das instituições e notáveis portugueses encontra-se a Fundação Champalimaund e a sua directora, Leonor Beleza (que diga-se de passagem devia estar presa, tal como grande parte da sua família directa, devido ao caso dos hemofílicos), decidiram criar um prémio científico na área da visão. Não só em Portugal são muito poucos ou até mesmo nenhuns os grupos de investigação em visão (eu pessoalmente não sei de nenhum grupo português a trabalhar em visão) como os problemas de visão serão uma infíma fracção dos problemas da maior parte da humanidade. A mim o que me parece (e não quero estar a ser má lingua!) é que este prémio foi criado para fazer parecer o falecido Champalimaud, a sua fundação e a directora da fundação como os novos profetas que tal como Jesus cura a cegueira e faz milagres!!!!
Se esta gente miserável, que apenas se interessa pelo seu ego e como o fazer inchar ainda mais para que depois possam dizer aos outros que eles são mais que os restantes, investi-se este dinheiro ou cria-se uma fundação para combater a diarreia, a desinteria e a colera nos países sub-desenvolvidos talvez salvassem mais vidas, especialmente de crianças com menos de 5 anos de idade! Ou então, uma vez que Portugal é um dos países da Europa com maior incidência de doenças cardiovasculares, tivessem criado uma fundação dirigida a esse campo! Isto seria a opção realista mas enfim esta gente quer é estrelato e fazerem-se passar por salvadores do mundo. Alias á pouco tempo eu vi uma conferência sobre neurobiologia patrocinada pela fundação Champalimaud em que a Leonor Beleza assistia muito embora ela não tenha qualquer formação em biologia quanto mais em neurobiologia. O irónico disto tudo é que quem ganhou o prémio este ano, que é superior ao Nobel em valor monetário, são dois investigadores americanos da mesmo instituição que o chefe do juri!!!! Ou seja, até os estrangeiros, mal veem esta gente provinciana cheia de caganeirisses a tentarem ser mais que aquilo que são, aproveitam e manipulam o prémio. Claro que a fundação não disse nada pois este tipo de atitudes é o que acontece em muitas das instituições científicas portuguesas que quem dá mais graxa ao chefe/director é que se orienta!!! Melhor ainda é o facto do Guterres e o Jacques Delores que nada percebem de visão ou biologia estarem no jurí!!!!!!
Em conclusão, enquanto a ciência em Portugal não for vista como algo para trazer mais igualdade e melhores condições de vida para todos e continuar a ser vista apenas como mais uma maneira de subir na escada social como o é hoje em dia, a maior parte do dinheiro que se investe, especialmente a formar recursos humanos, é para ir para o lixo!

2 comentários:

Tuky disse...

Mai nada!!! Não lhe dês descanso, meu puto!!! Abraço!

brunopapas disse...

Grandes ferias hein!! sim senhora :)